logo
rss  Vol. XV - Nº 248         Montreal, QC, Canadá - quarta-feira, 27 de Maio de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContacto arrowÚltima hora arrowClima
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Açores:

Ponta Delgada recebe em setembro Conferência Internacional Metrópolis, o maior evento mundial sobre migrações

 

conferencia_internacional_metropolis
Aspeto da Conferência Internacional Metropolis, em Bonh

 Ponta Delgada - A 16.ª Conferência Internacional Metrópolis, evento internacional que analisa as temáticas e fenómenos migratórios, decorre em Ponta Delgada, nos Açores, entre 12 e 16 de setembro, reunindo mais de cinco centenas de investigadores e políticos.

«É a maior conferência mundial sobre migrações que se realiza pela primeira vez nesta região. É também um desafio e estímulo porque nos coloca no centro do que mais importante e de maior dimensão se faz no mundo sobre a questão das migrações e nós temos esse direito pelo historial de politicas desenvolvidas, no relacionamento com a diáspora e acolhimento das imigrantes", disse o secretário regional da presidência, André Bradford, na conferência de imprensa de apresentação do evento.

Sidney, Haia ou Washington foram alguns dos locais onde já se realizou a conferência. O evento chega agora aos Açores, segundo Bradford, sobretudo devido ao estudo do caso particular das ilhas nas questões da emigração e da imigração.

«Quer num âmbito, quer noutro julgamos que somos bons exemplos e também julgamos que é por causa disto que a organização internacional Metrópolis apostou em realizar nos Açores esta conferência», frisou o governante.

O programa prevê a realização de oito sessões plenárias, 75 «workshops», quatro mesas redondas, além de cinco visitas de estudo, quatro delas em S.Miguel e uma no Faial e Pico, sendo que nestas duas ilhas serão »estudadas as implicações que o Vulcão dos Capelinhos teve no processo de emigração dos Açores".

Entre os conferencistas, Bradford destacou a presença de responsáveis da Organização Internacional das Migrações, das Nações Unidas, do Banco Mundial, do antigo Comissário Europeu para a área da Justiça e Assuntos Europeus, António Vitorino, »uma participação especial" do Governo das Filipinas, »por ser também uma região com características muito particulares em matéria dos processos migratórias", e ainda do México e do Quénia.

O tema central da conferência é »o futuro das migrações: perspetivas em mudanças globais", mas a diretora regional das Comunidades, Graça Castanho, sublinhou também a importância do evento abordar »temáticas novas" como a questão da Internet ou das redes sociais.

»É uma temática nova, que vai aferir de que forma as novas tecnologias de informação estão ao serviço das movimentações migratórias e da integração destas populações na diáspora, como também as questões de envelhecimento", referiu Graça Castanho, assinalando ainda a importância do evento em causa para »marcar politicas que depois são implementadas no futuro"».

A 16ª Conferência Internacional Metropolis é uma iniciativa conjunta do Governo dos Açores em parceria com as universidades dos Açores e de Lisboa, com o Alto Comissariado para a Emigração e Diálogo Intercultural, Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento (FLAD) e algumas instituições de investigação do Canadá e da Holanda.

A parceria que está na origem das conferências Metrópolis envolve atualmente mais de 40 países e inclui universidades, instituições de investigação e organizações politicas.

O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

Apesar das resistências encontradas na imprensa portuguesa em geral, o LusoPresse decidiu adoptar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa pelas razões que já tivemos a oportunidade  de referir noutro local.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.
 
Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020